Archive for December, 2008

BASTA!!!

Posted in Notícias on December 30, 2008 by cybersilva

palestine-gazaisraeli-missile-s-009

foto de guardian.co.uk

Apercebemo-nos de que as coisas estão a correr realmente mal quando se torna totalmente irreprimível a vontade de falar, de falar alto, de dizer BASTA !

Israel iniciou mais uma campanha totalmente criminosa na faixa de Gaza, alegadamente contra os militantes do Hamas. Com recurso a bombardeiros F-16 iniciou o bombardeamento de uma das regiões mais densamente povoadas do planeta cujas fronteiras o mesmo Israel vedou previamente. Neste momento as bombas caem sobre uma zona com uma população semelhante à de Lisboa, mas de menor área, e de onde ninguém pode sair. Há já muito tempo que os abastecimentos normais se deixaram de realizar. De vez em quando Israel abre um posto fronteiriço e permite a entrada de alguns fornecimentos que agora são sempre de carácter humanitário, uma vez que o isolamento forçado tem vindo a provocar uma situação desastrosa, com  carência alimentar generalizada, escassez de medicamentos,  falta de abastecimentos de toda a ordem, etc…( para não falar das consequências que a interrupção de todo o fluxo de pessoas e mercadorias acarreta do ponto de vista estritamente económico)

Este acto pretende atingir o Hamas  mas qualquer pessoa com um mínimo de bom senso percebe, olhando para as fotos que nos têm chegado, que os mortos entre os civis são obrigatoriamente mais que muitos. Nunca é demais lembrar que ao povo palestiniano está vedada pela lei internacional  a criação de um exército e que os ataques de rockets por parte dos palestinianos sãomuitas vezes feitos com recurso a material rudimentar, e que este é o único modo que os resistentes de Gaza têm de se oporem à ocupação (e mil outras violências que a nossa imprensa livre raramente refere), e de se insurgirem contra a indignidade que são vítimas quotidianamente. Ao longo de um ano aconteceram centenas destes ataques contra território israelita (que em rigor não o é por ser resultado de ocupação ilegal à luz da lei internacional, e em violação de um numero recorde de resoluções das Nações Unidas)  que  causaram a morte a 8 israelitas. Desde anteontem (28/12/2008), a vingança do exército “moral” de israel matou 320 palestinianos e feriu 1400.  Até antes de anteontem, e desde a recente vitória do Hamas em eleições livres, monitorizadas pela OSCE , o exército Israelita já tinha morto mais de 13oo palestinianos. Tal estado de coisas têm a sua continuidade garantida por via do beneplácito dado às acções de Israel por parte de vários países ocidentais, liderados pelos EUA, esse grande exportador de democracia.

Estou mais que nunca convicto de que a internet há-de ser uma ajuda, por pequena que seja, uma vez que que graças a ela estas linhas vão além das paredes do meu quarto.  Se mensagens como esta se multiplicarem, talvez os donos do mundo se apercebam subitamente de que somos milhões a observá-los, absortos nos seus festins de sangue.

Os tempos estão perigosos e trazem à memória sombras funestas do passado…hoje em dia é mais difícil que nunca, em parte graças à internet, dizer, quando coisas assim acontecem,  que “não sabíamos”…sou mais uma voz a clamar, se calhar no deserto, mas este post é o testemunho de que a mim nunca ninguém me poderá incluir no número dos que viu e calou.

P.S. este post é para continuar. Para já, deixo ficar uma imagem  ilustrativa do rumo que têm levado as sucessivas negociações.

palestinian_land_loss_map1

P.S. 2

Infelizmente está mais ou menos instalada a ideia de que todo o extremismo vem do Hamas, de que os terroristas são eles.  Os números não o demonstram:

vítimas palestinianas, de 29 de Setembro de 2000, a 30 de Abril de 2008: 4789

vítimas israelitas no mesmo espaço de tempo: 1053

palestinian_deaths_chart

fontes:

http://en.wikipedia.org/wiki/Second_Intifada

B’Tselem, “The Israeli Information Center for Human Rights in the Occupied Territories